CELEBRAÇÕES NA MATRIZ:
SEXTA E SÁBADO: 19H
DOMINGO: 07h - 10h - 19h
previous arrow
next arrow
Slider

Vale a pena esperar pelos planos de Deus?

Um dia, ouvi de alguém que: “Deus é fiel e os planos d’Ele jamais nos frustrarão”. Essa frase chamou-me a atenção. Eu estava partilhando uma preocupação minha com essa pessoa e obtive dela essa resposta, que, para mim, passou a ser fonte de esperança e força para seguir em frente.

Por várias vezes, havia me deparado com essa frase estampada em adesivos de carro, porém, nunca tinha me percebido do quão grande é dizer – e porque digo, reconheço – que Deus é fiel. Talvez, porque nunca havia tido tanta necessidade do auxílio de Deus, pois, antes eu buscava ser autossuficiente e imaginava que podia resolver todos os problemas sozinho, mas, com o passar do tempo, fui percebendo, pelas minhas falhas, que eu, por si só, não bastava a mim mesmo, porque eu era muito pequeno diante de tudo o que tinha de viver e enfrentar.

Eu tinha dois caminhos: escolher ser do mesmo jeito que sempre fui e, com isso, não enfrentar os meus problemas; ou encarar a minha verdade, assumir que eu precisava mudar, que eu havia feito escolhas erradas… E, então,  só assim me deparar com a minha fraqueza e incapacidade. Posso testemunhar que foi uma quebra para o meu orgulho.

Encontro com a misericórdia de Deus

Assumir o erro não é coisa fácil de se fazer, porém, quando o fazemos, encontramos a Misericórdia de Deus em nossa vida. E isso é bem melhor do que qualquer outra coisa que possamos imaginar. O encontro pessoal com a Misericórdia de Deus é algo inexprimível, só quem o vive, pode saber o que é.

Diante disso, não pude fazer outra opção, senão, em tudo, depender de Deus e esperar n’Ele. Hoje, colho concretamente os frutos do meu abandono em Deus. Tudo o que eu quis (antes, buscar com minhas forças), por graça, o Senhor me dá hoje. Sou mais feliz assim e vivo melhor a minha vocação.

Aprendi que, na minha pequenez, não sou capaz de compreender tudo o que o Senhor tem para mim ou para as pessoas. Muitas vezes, preciso ainda “abandonar” a minha razão, minha lógica e acolher o que o Senhor me pede. Confio que, por mais que eu não entenda as coisas, Deus sabe o que faz. Eu não sei, mas Deus sabe, e sabe o que é o melhor. Por isso, vale a pena esperar.

Não sei o que você vive hoje nem quais os problemas e preocupações que você tem; mas tenho certeza de que o seu remédio é o mesmo que me curou: a confiança de que “a quem busca o Senhor, nada lhe falta” (Sl 33,11b).

“(…) em ti eu espero, Senhor, repito: és Tu o meu Deus. Na tua mão está o meu destino” (cf. Sal 129,5).

Fonte: Canção Nova

Paróquia Sagrado Coração de Jesus - Rua Cel. Aurelino,8 - Formiga-MG 37 3321-2955